EUA podem proibir drones no país


O Departamento do Interior dos Estados Unidos planeja interromper um programa de drones civis. A medida vai afetar o uso de mais de mil drones diretamente. A decisão foi tomada após determinação de que há um risco muito alto de que o governo chinês use os dispositivos para fins de espionagem.

Embora a decisão ainda não tenha sido definitiva, o Secretário do Interior, David Bernhardt, disse que limitaria o uso dos drones a emergências, como o combate a incêndios, por exemplo. A proibição pode afetar diretamente o uso desses dispositivos para fins de mapeamento de terrenos e rastreamento de recursos. A empresa DJI, responsável por 121 modelos de drone, disse estar ansiosa para analisar as justificativas e apontar "falta de evidências confiáveis" que apoiem a proibição total dos drones chineses.

A desconfiança dos EUA com drones chineses não é recente. Em 2017, o Exército deixou de usar drones DJI, e o Departamento de Segurança dos EUA argumentou que a empresa estava fornecendo informações sensíveis de infraestrutura e aplicação de leis para autoridades chinesas.