Ministério da Saúde amplia quantidade de testes disponíveis


O Ministério da Saúde quer ampliar de 30 mil para 22,9 milhões o total de testes disponíveis para diagnóstico do novo coronavírus. A medida segue a recomendação da Organização Mundial da Saúde de testar o máximo de pessoas possível.

Serão utilizados testes rápidos e laboratoriais adquiridos diretamente ou por meio de parcerias público-privadas e doações. Inicialmente, profissionais da saúde e da segurança serão priorizados. A previsão é de que os primeiros testes sejam entregues até 30 de março.